Bah: «Se alguém me oferecesse 2 mil euros seria insultuoso, mesmo se fosse o Benfica»

22SET 14h18

Alexander Bah contou no âmbito dos trabalhos da seleção da Dinamarca que teve muitas propostas este verão mas que está feliz por ter escolhido o Benfica. O lateral direito dinamarquês, de 24 anos, explicou depois por que optou pelos encarnados.

"Diria que estava bem em termos de propostas. Mas tinha de ser muito criterioso. Tive alguns encontros com o meu empresário, de modo a definir em que direção iríamos seguir, e estou incrivelmente feliz por ter ido para o Benfica", explicou Bah, em conferência de imprensa.

O dinheiro não pesou na decisão. "Sempre segui o meu instinto, podia ter ido ganhar mais dinheiro para outro clube, mas não sentia que esse fosse o passo certo", acrescentou. "Acabei por ir para um grande clube. Sempre disse que queria jogar numa das cinco grandes ligas e a portuguesa não é uma delas. Podia ter escolhido outra, mas senti que o Benfica era o passo certo."

Bah, que chegou à Luz proveniente do Slavia Praga, teria em mãos uma proposta financeiramente muito atrativa do Brentford, da Premier League, que recusou. "Sentei-me e pesei tudo: treinadores, equipa, adeptos, finanças e até o estilo de jogo. Diria que este último aspeto é provavelmente o mais importante."

E prosseguiu: "Não enfatizei o aspeto económico, mas claro que isso também pesa. Se alguém me oferecesse 2 mil euros teria sido insultuoso, mesmo se fosse o Benfica", explicou Bah.

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão

Notícias mais vistas