Fàbregas anuncia saída do Monaco: «Foi não só o pior ano da minha carreira, como também da minha vida»

13MAI 19h47

Cesc Fàbregas tem cinco jogos pelo Monaco em 2021/22, tendo sido o último disputado em setembro. O médio que brilhou por Arsenal, Barcelona e Chelsea assumiu o pior momento da carreira e não só.

"Não vou renovar. É certo que entre mim e o Monaco termina. O meu contrato acaba em junho e quero sair, a minha cabeça precisa de uma mudança para outro lado qualquer. Foi não só o pior ano da minha carreira, como também da minha vida, porque quando não se está feliz no futebol, não se consegue estar feliz na vida. Sofri muito, foi muito complicado mentalmente", frisou à revista 'So Foot'.

O internacional espanhol, de 35 anos, garantiu que este não é o fim da carreira como futebolista. "Para ser honesto, já recebi duas ou três chamadas nas últimas duas semanas de alguns dos meus ex-treinadores para saberem o que eu queria fazer, para ver se eu me queria juntar a eles neste verão como treinador. Mas este ano foi tão mau que eu não posso terminar assim, tendo em conta a carreira que construí. Eu quero continuar a jogar. Sou grato pela carreira que tive, mas não sinto que acabou. Só quero desfrutar do meu futebol e continuar a ser competitivo de alguma forma", frisou o campeão do Mundo e da Europa por La Roja.



FAB

Recomendadas

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão