Evento especial da Adidas rende dois novos recordes mundiais

12SET 17h24

Seis recordes estavam na mira e dois acabaram mesmo por cair. Eis o balanço do 'adizero Road To Records', um evento privado realizado pela Adidas, no qual mais de 80 atletas se desafiaram para tentar quebrar os máximos mundiais dos 5, 10 e meia maratona.

Ambos os novos recordes foram conseguidos no feminino, com a queniana Agnes Tirop a pulverizar o dos 10 quilómetros, colocando-o nos 30:01, o que representa um ganho de 28 segundos em relação ao anterior máximo (numa prova apenas com atletas femininas), que estava desde 2002 na posse da marroquina Asmae Leghzaoui.

Quanto ao outro máximo, foi batido pela etíope Senbere Teferi, com 14:29 segundos nos 5 quilómetros. Trata-se de um duplo novo recorde, já que bateu tanto o máximo da prova apenas com atletas femininas (14:44 de Beatrice Chepkoech), mas também o de prova mista (14:43, de Sifan Hassan). Teferi conseguiu também melhorar a marca de Joyciline Jepkosgei, conseguida em 2017 (14:32), numa altura na qual o recorde não era reconhecido.

Quanto às outras provas, Rhonex Kipruto venceu os 10 quilómetros em 26:43, ficou a 19 segundos o recorde que já lhe pertence, mas pelo caminho conseguiu fixar o terceiro melhor tempo da história. Já na corrida dos 5 quilómetros, Jacob Krop venceu em 13:06, a 15 segundos do máximo de 12:51, do ugandês Joshua Cheptegei).

Na meia maratona masculina ganhou Abel Kipchumba, com 58:48, muito longe dos 57:32 de Kibiwott Kandie. Na prova feminina ganhou Brenda Jepleting, com 1:06:52, também longe do recorde mundial, que está na posse de Peres Jepchirchir, em 1:05:16.

Recomendadas

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão