«Não assinei sozinho»: Vieira sente-se traído e abandonado pelos administradores da SAD do Benfica

21JUL 09h52

Luís Filipe Vieira sente-se traído e abandonado. O Benfica - que liderou durante 18 anos - não teve uma palavra de solidariedade, após a detenção no âmbito do processo Cartão Vermelho. "Não assinei sozinho", desabafou Vieira, segundo contou ao 'Correio da Manhã' uma fonte próxima do ex-líder encarnado. Os administradores da SAD, que nos últimos anos partilharam as decisões com ele, demarcaram-se de todas elas, pondo-se fora de um ‘filme’ que aparentemente conheciam, o que deixou Vieira "magoado".

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão