Nuno Presume, adjunto de José Peseiro, nos cuidados intensivos com covid-19

07ABR 15h19

O treinador português Nuno Presume, que coadjuva José Peseiro na seleção de futebol da Venezuela, deu na terça-feira entrada nos cuidados intensivos do hospital de Abrantes, com covid-19, confirmou esta quarta-feira à Lusa fonte hospitalar.

De acordo com a mesma fonte, Nuno Presume é um dos dois pacientes em cuidados intensivos na unidade de Abrantes do Centro Hospitalar do Médio Tejo, estando intubado e em coma induzido.

Presume, de 51 anos, integra a equipa técnica da seleção venezuelana, liderada por Peseiro, de quem foi adjunto no Sporting, em 2018/19, e no Vitória de Guimarães, na época anterior.

O treinador, natural de Pombalinho, no concelho da Golegã, iniciou a carreira no Cartaxo, tendo ainda passagens por clubes como Carregado, União de Santarém, Fátima, Riachense, Loures, Portomosense e 1.º de Dezembro, antes de integrar as equipas técnicas de Daúto Faquirá, no Olhanense e nos angolanos do 1.º de Agosto.

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão