Sporting campeão nacional de atletismo em pista coberta e logo em dose dupla

28MAR 22h35

O Sporting conquistou os títulos de campeão nacional de atletismo em pista coberta, tanto no setor masculino como no feminino, numa competição iniciada há dois fins de semana e que só hoje terminou, em Pombal.

Os atletas do Sporting competiram todos no primeiro dos dois fins de semana de campeonatos, mas tiveram de esperar pelos resultados dos que competiram agora, para se poder finalmente fazer o cruzamento de todos os resultados e atribuir pontos, de um a 16, aos 16 clube envolvidos, em duas séries de oito.

O triunfo do Sporting era totalmente esperado, já que na primeira série estiveram envolvidos os oito clubes mais fortes, pelos resultados da edição anterior, com exceção do Benfica, que era campeão em masculinos, mas decidiu não competir, por discordar das práticas de testagem à covid-19 assumidas pela Federação Portuguesa de Atletismo.

Contas finais feitas, o Sporting chega aos 198 pontos em masculinos e 200 em femininos, mantendo-se o pódio provisório da série disputada primeiro.

As alterações aconteceram apenas, em ambos os setores, no top-8, que corresponde à primeira divisão do modelo regular desta competição. Habitualmente, disputa-se uma jornada de apuramento e depois uma final, distribuída por divisões, mas este ano não foi assim, por causa das limitações decorrentes da pandemia.

No setor feminino, o pódio completou-se com Jardim da Serra, segundo, e Fátima, terceiro, ambos com 159 pontos, naquela que foi a melhor classificação de sempre destes clubes nesta competição. Em quarto e quinto lugares mantiveram-se, respetivamente, o Juventude Vidigalense (156,5 pontos) e o Sporting Clube de Braga (147 pontos).

Já o sexto e sétimo lugares passaram a ser ocupados, respetivamente, pelo Maia, com 123,5 pontos, e pelo Oliveira do Douro, com 112 pontos, que 'empurraram' a Água da Pena e o GRECAS para o oitavo lugar, ambas as equipas com 105 pontos.

Em masculinos, a Juventude Vidigalense (161 pontos), o Sporting Clube de Braga (143,5 pontos) e a Casa do Benfica de Faro (143 pontos) mantiveram, respetivamente, a segunda, terceira e quarta posições.

O Atlético da Póvoa de Varzim (141) e o Maia (131,5) conseguiram classificar-se nos lugares seguintes da tabela, o quinto e sexto, fazendo o Seia (126) e o GRECAS (119) descer à sétima e oitava posições.

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão