Sifan Hassan pulveriza recorde europeu dos 10000 metros

10OUT 18h08

2020 está a ser definitivamente um ano de recorde. Dois dias depois do show dado em Valência, com novos máximos mundiais nos 10000 metros masculinos e nos 5000 metros femininos, este sábado foi a vez da holandesa Sifan Hassan entrar para a história, ao fixar em Hengelo, na Holanda, um novo recorde europeu dos 10000 metros. A atleta holandesa de origem etíope correu a distância em 29:36.67 minutos, tirando praticamente 25 segundos ao anterior máximo, que pertencia à britânica Paula Radcliffe, e melhrando em 40 segundos o seu recorde pessoal (era de 30:17.62).

Com este tempo, que fica a 21 segundos da etíope Almaz Ayana (29:17.45), Hassan salta para a quarta posição na lista das melhores rápidas da história nos 10000 metros, apenas batida pela tal recordista, pela chinesa Junxia Wang (29:31.78) e pela queniana Vivian Cheruiyot (29:32.53). Isto numa prova na qual, refira-se, a holandesa teve de enfrentar um verdadeiro temporal, algo que terá certamente prejudicado a obtenção de uma marca ainda melhor.

Conseguido este recorde europeu, o sexto que detém em simultâneo (já é detentora dos máximos dos 1500, milha, 3000, 5000 e meia maratona), Hassan segue agora para a Polónia, onde no próximo sábado irá disputar o Mundial da Meia Maratona.

Na mesma prova, refira-se, participou tambéma portuguesa Sara Catarina Ribeiro, que acabou por ficar em sétimo, com 35:02.45.

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão