Aite Tamang: «Não achei muito difícil»

É do Nepal e corre pela equipa portuguesa Arrábida Trail Team. Era um dos favoritos à vitória final na prova de 22 km e justificou esse estatuto. Ainda foi perseguido até ao fim por Vítor Cordeiro, outro dos candidatos, mas no final foi mesmo o primeiro a cortar a meta.

"Queria muito ganhar esta prova e estou muito feliz por ter conseguido", começou por dizer ao nosso jornal. Questionado sobre a dureza da mesma, o nepalês acabou mesmo por considerar que até nem achou o traçado "muito difícil, é algo duro, como é normal, mas fez-se bem".

A prova na Serra de São Mamede foi a sétima de Trail Running que Aite Tamang já disputou neste ano de 2018... e foi a sétima vitória. Também em Portalegre, em janeiro, Tamang foi o grande vencedor do Trilhos dos Reis, na distância de 25 km. Ainda este ano, venceu em Proença-a-Nova, Faro, Poiares, Almourol e Fafe. É caso para dizer mesmo que as provas de trail são a sua especialidade.

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão