Salomon Sonic RA Max: A Salomon também sabe brincar na estrada...

Autor: Fábio Lima

Se, tal como eu até há uns tempos, achavam que a Salomon era uma marca apenas direcionada para as provas de montanha, com sapatilhas robustas e apenas construídas para aguentar todo o tipo de condições extremas, saiba que a marca francesa também trabalha em modelos de estrada e com uma incrível qualidade, ainda que as opções à escolha, pelo menos em comparação com o repertório de trail/montanha, sejam limitadas. Limitadas... mas isso não quer necessariamente dizer que o que temos ao nosso dispor não seja bom. E se o lema da marca francesa é "Time to play" (tempo para brincar), diga-se que a 'brincadeira' de fugir das montanhas para a estrada foi efetivamente muito bem conseguida.

É nesse campo que entram estas Sonic RA Max, que começando já por desconstruir o nome, significam 'Running Avenue' (é o nome da coleção de estrada) e 'Maximum' (com máximo amortecimento). Ora portanto, se são de amortecimento, o melhor é não esperar um modelo leve, certo? Errado! Este RA Max chama logo a atenção por essa particularidade, já que pesa apenas 257 gramas, o que para uma sapatilha que é voltada para o amortecimento é um autêntico achado.

Confortáveis e respiráveis

Leves no pés, as RA Max são igualmente confortáveis, ainda que para quem tenha o pé ligeiramente mais largo possam apertar um pouco na fase inicial de adaptação. Ainda assim, superada essa primeira etapa, são efetivamente uma escolha certeira para a rodagem diária, já que providenciam o amortecimento e estabilidade necessários para aqueles treinos onde o nosso objetivo passa essencialmente por acumular quilómetros.

São igualmente bastante respiráveis - algo que tive oportunidade de testar da pior forma possível, com a incrível vaga de calor que tivemos recentemente. Uma respirabilidade que se explica por um mesh muito fino, que nos permite até observar a luz por entre elas. No upper há ainda a realçar a ausência de costuras visíveis, sendo toda a estrutura da sapatilha 'colada' com uma tecnologia especial, o que ajuda naturalmente à leveza que já falei. Há ainda a realçar a aplicação do Sensifit, a fórmula da Salomon para manter o nosso pé bem preso e seguro dentro da sapatilha.

Em relação ao conforto, e pese embora o tal mesh bastante fino, o que poderia até levar ao surgimento de bolhas, a Salomon apostou na colocação de material acolchoado na zona do colar (que envolve o nosso tornozelo) e ainda na língua, impedindo que tenhamos essas tão temidas bolhas, que podem arruinar um treino (e os seguintes). Zona acolchoada que, refira-se, também está presente no calcanhar, permitindo que o nosso pé esteja muito bem envolvido em todos os ângulos possíveis.

A tecnologia da meia-sola

Na meia-sola, onde reside o segredo do amortecimento destas Sonic RA Max, a Salomon aplicou a tecnologia Vibe, que combina o EnergyCell+ e o Opal, que segundo a marca francesa cria um sistema que atenua as vibrações, reduzindo o eventual impacto da passada ao longo nosso corpo, para lá de dar responsividade a cada vez que aplicamos o pé no chão.

Um amortecimento e responsividade que acabam por ser um dos pontos fortes deste modelo, que com estas duas características, aliadas ao seu peso leve, pode ser encarado como uma boa escolha para praticamente todos os corredores. Sejam eles lentos ou rápidos, pois com estas Sonic RA Max podemos facilmente passar de um treino a 4'00/km para um acima dos 5'00/km sem sentirmos grandes diferenças na resposta.

Então e a sola?

Se à primeira vista a sola destas Sonic RA Max nos faz torcer o nariz, por dar a ideia de que é demasiado robusta e não permitir ao nosso pé bater e seguir, ao darmos um pouco mais de atenção percebemos que a forma como está construída visa essencialmente permitir ao nosso pé uma flexão mais eficiente no momento do impacto. As ranhuras entre a borracha são imensas, e estrategicamente colocadas, e a sua presença acaba por ajudar imenso na nossa corrida.

Relativamente à durabilidade da mesma, ao cabo de cerca de 50 quilómetros de testes, feitos todos em estrada, sob temperaturas bastante elevadas, a sola permanece praticamente intacta, o que acaba por dar a ideia de que irá durar por muitos e bons quilómetros, permitindo uma utilização regular sem qualquer problema.

Conclusão

São estas Sonic RA Max uma boa compra? Valem a pena o investimento? Sim e sim! Mais que não seja pela sua incrível versatilidade, que nos permite utilizá-la seja em treinos lentos como rápidos. Mas aquilo que essencialmente surpreende neste modelo de amortecimento é mesmo a sua leveza, algo pouco visto em sapatilhas vocacionadas para esta categoria.

Com um desenho bastante interessante a nível visual e também com uma qualidade de acabamento de realce, estas Sonic RA Max mostram que a Salomon, mesmo sendo uma marca que aposta muito mais nos produtos 'off road', não deixa nenhum pormenor ao acaso e que, mesmo não tendo como público alvo quem anda na estrada, acaba por apresentar um modelo com muita qualidade.

Dados técnicos

Peso: 257 gramas (modelo 43 masculino)
Categoria: estabilidade
Arco: normal
Drop: 10mm (calcanhar: 30 mm/biqueira: 20)
Tipo de passada: neutra

Subscreva a Newsletter e receba as notícias em primeira mão